Carlos Roberto -  CRS Palestrante

A vida,  os sentimentos e impressões em prosa e verso

Textos

O FASCÍNIO DA CHUVA
A chuva cai silenciosamente.
O fascínio me prende à janela do meu quarto, de onde observo os pingos de cristal que saltam alegremente do beiral em ruídos musicais e, que ao tocarem o chão, formam desenhos interessantes de  liteiras floridas em dia de festa.
Carlos Souza
Enviado por Carlos Souza em 29/01/2008


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras